Bright Innocence

quinta-feira, 22 de julho de 2010

Escutei aquela velha música denovo, deixei ela adentrar meus ouvidos, penetrar minha mente, ser cantada pela minha boca, ser lembrada pelo meu coração. Eu fechei os olhos, apertei-os, a dor antiga mesclada a dor atual, a música terminou e olhei para os lados, com um fio de esperança no ar, você estava lá, você estava. E como num piscar de olhos você desapareceu, a imagem não passava de uma projeção de minha cabeça, eu desejei parar de respirar.

Marcadores:

1 Comentários:

Blogger priscila castro m. disse...

Já te disse que vc escreve muito bem? rs
Seu blog está em destaque no meu blog, espero que não se importe.
Beijos. s2

23 de julho de 2010 15:44  

Postar um comentário

Oi, espero que tenha gostado do Blog, agradeço sua visita e/ou seu comentário, beijos.

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial